Conheça a ANASPRA

Postagem em destaque

Parceria Aspra Hapvida: descontos nos planos de saúde para associados Aspra Sergipe

Prezado Cliente, A parceria Divicom Hapvida , leva aos Associados da ASPRA, condições especiais com preços bem reduzidos para aquisi...

sábado, 22 de dezembro de 2012

Policiais militares se recusam a dirigir viaturas do Batalhão de Choque.


Mais um problema envolvendo viaturas da policia militar de Sergipe, por conta de atrasos nos licenciamentos dos veículos foi registrado na manha desta quinta-feira, quando PMs do Batalhão de Choque se recusaram a dirigir as viaturas.

No inicio da semana, uma viatura da PM/SE acabou sendo apreendida por agentes da Policia Rodoviária Federal (PRF), por estar com o licenciamento atrasado. Isso deixou os policiais com receio de continuarem a dirigir as viaturas com documentos irregular.

Na manhã desta quinta-feira (20), chega à redação do FAXAJU on-line, a informação de que os policiais militares do Batalhão de Choque se recusaram a sair com os veículos, com medo de posteriormente enfrentarem  problemas. Isso mostra que ao contrário do que disse o representante da locadora de que apenas aquele veiculo que foi apreendido estaria circulando irregularmente. Se houve recusa por parte dos PMs, é porque ainda há viaturas com seus licenciamentos atrasados.

Os policiais que tinham que fazer o policiamento ostensivo na manha desta quinta-feira, se recusaram a sair do quartel, criando mais um problema para o comando resolver. Eles alegaram que não podiam correr o risco de serem responsabilizados por algo que viesse acontecer, demonstrando que ainda há veículos circulando de forma irregular.

Após tomar conhecimento da situação, as informações são de que o comandante do policiamento da capital, coronel Jackson e o sub-comandante geral da PM, coronel Luiz Fernando estiveram na sede do Batalhão de Choque e autorizaram os PMs a saírem com as viaturas, se responsabilizando pelo que possa ocorrer.

A recusa dos PMs em dirigir as viaturas mostra que eles estarão atentos com as documentações dos veículos, pois segundo o relações pública da PM, capitão Charles, “é dever do policial verificar a documentação do veiculo”, e isso deve ter ocorrido hoje.

Ainda segundo o militar que passou as informações, logo no inicio da tarde, as viaturas do Choque voltam a circular normalmente, mas ao que tudo indica, com problemas na documentação. Em caso de acidente, principalmente em uma BR, a PRF não vai responsabilizar o comando e sim o motorista do veiculo que se envolver no fato.


O que não se sabe é qual o motivo que a locadora está deixando esses veículos com documentos pendentes. É possivel que o Ministério Público seja acionado para verificar a situação.

Munir Darrage

Fonte: Faxaju

Postagens populares