Conheça a ANASPRA

Postagem em destaque

Parceria Aspra Hapvida: descontos nos planos de saúde para associados Aspra Sergipe

Prezado Cliente, A parceria Divicom Hapvida , leva aos Associados da ASPRA, condições especiais com preços bem reduzidos para aquisi...

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Sargentos da Polícia Militar ameaçam cruzar os braços no interior do Estado

Uma decisão tomada pelo Comandante do Policiamento Militar do Interior (CPMI), causou um desconforto no meio policial, principalmente com os sargentos da PM que trabalham no interior do estado.

Uma informação passada para a redação do FAXAJU on-line, no inicio da tarde desta sexta-feira (22), é de que por conta de uma decisão do Comandante do Policiamento Militar do Interior (CPMI), os sargentos da polícia militar que atuam como comandantes de Destacamento de Polícia Militar (DPM), nos municípios do interior do estado, podem cruzar os braços na próxima Segunda-feira (25).

A falta de efetivo está causando muitos problemas não só para a população que se sente desprotegida, como também para os policiais militares que estão sendo obrigados a trabalhar além de suas capacidades. O militar que enviou o e-mail, conta que na reintegração de posse que ocorreu em Carmópolis, na quinta-feira (21), os militares que foram escalados para o serviço, trabalharam 14 horas ininterruptas.

A insatisfação dos militares é por conta de que e agora o coronel resolveu destituir todos os comandantes de DPM, o que causou revolta entre os sargentos, afinal a função é prevista no regulamento.

Revoltados os sargentos estão encarando isso como um desrespeito aos seus cargos, e por conta disso já estão se reunindo para ingressarem na justiça contra o ato do comandante do CPMI, como também ameaçam cruzar os braços na próxima segunda-feira.
Fonte: Faxaju

Postagens populares