Conheça a ANASPRA

Postagem em destaque

Parceria Aspra Hapvida: descontos nos planos de saúde para associados Aspra Sergipe

Prezado Cliente, A parceria Divicom Hapvida , leva aos Associados da ASPRA, condições especiais com preços bem reduzidos para aquisi...

terça-feira, 15 de abril de 2014

LIGABOM: Bombeiros do Brasil firmam parceria técnica com Marinha Portuguesa


Os comandantes gerais dos Corpos de Bombeiros Militares do Brasil participaram nos dias 8, 9 e 10 de abril, da reunião extraordinária do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros (LIGABOM), que aconteceu no Riocentro, na cidade do Rio de Janeiro. O evento ocorreu paralelamente à Reunião Extraordinária do CNCG – Conselho Nacional de Comandantes Gerais das Polícias Militares e Corpos de Bombeiros e da 2ª edição da Feira Internacional de Segurança Pública e Corporativa, LAAD Security.

Na terça-feira (08), durante a abertura do encontro, os Comandantes Gerais dos Corpos de Bombeiros do Brasil discutiram a validação do projeto para aquisição de equipamentos de proteção individual (EPI) e assinaram um acordo de cooperação em Salvamento Aquático com o Instituto de Socorros Náufragos de Lisboa (ISN), órgão regulador da estrutura da direção geral da autoridade marítima de Portugal cuja missão está voltada para o salvamento marítimo, socorros a náufragos e assistência aos banhistas. O Vice-Almirante, Álvaro da Cunha Lopes, diretor geral da autoridade marítima de Portugal participou da solenidade firmando a parceria técnica entre ambos os países.

O presidente da Liga Nacional dos Bombeiros Militares do Brasil, o Coronel BM Lioberto Ubirajara Caetano de Souza, Comandante Geral do CBMRO, destacou a importância da parceria firmada entre a LIGABOM e a Marinha Portuguesa.

“Nosso objetivo principal é estreitar laços entre guarda-vidas do Brasil com bombeiros que falam a língua portuguesa. Acreditamos que essa cooperação técnica irá resultar no aprimoramento dos serviços de salvamento, de ambos os países, melhorando a qualidade dos serviços prestados à população”, destacou.

Já na quarta (9) e quinta-feira (10), as discussões foram focadas nas atividades de Defesa Civil, com apresentação de relatos de desastres naturais que estão se tornando cada vez mais freqüentes no Brasil e no mundo.

O Coronel Claucir Costa, do estado do Rio de Janeiro e a Major Márcia Amarilio, do Distrito Federal, trouxeram para o debate a necessidade do fortalecimento de assessorias parlamentares nas instituições visando à consolidação das diretrizes da Política Nacional para os bombeiros do Brasil.

“A Política Nacional para a categoria engloba assuntos voltados à padronização na capacitação e qualificação dos bombeiros, bem como, das estruturas, procedimentos e equipamentos de trabalho. É importante destacar o apoio que estamos recebendo da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) que tem sido grande parceira em convênios e investimentos para a melhoria do setor de segurança pública”, afirmou o presidente da LIGABOM, Coronel Caetano.

O encontro ainda contou com a discussão de propostas para uma padronização das escalas de serviço na Atividade de Bombeiro Militar que foi apresentada por militares do Espírito Santo, além das discussões sobre a validação do planejamento estratégico do Conselho Nacional dos Corpos de Bombeiros.

Fonte: ASCOM/CBMRN /CBMSE

Postagens populares