Conheça a ANASPRA

Postagem em destaque

Parceria Aspra Hapvida: descontos nos planos de saúde para associados Aspra Sergipe

Prezado Cliente, A parceria Divicom Hapvida , leva aos Associados da ASPRA, condições especiais com preços bem reduzidos para aquisi...

terça-feira, 25 de abril de 2017

Adepol aguarda posição do governo sobre plantões extras

Desde o dia 11 que os delegados deixaram e acumular delegacias


A Associação dos Delegados de Polícia de Sergipe (ADEPOL) enviou um comunicado à imprensa sobre o movimento da categoria quanto a suspensão dos plantões extraordinários em 29 delegacias do interior onde não possui delegado titular.

A Adepol informa que "desde o dia 11 de abril do corrente, os delegados de polícia deixaram de acumular as delegacias das quais não eram titulares. Além de cientificar a Secretaria de Segurança Pública, a Adepol comunicou a decisão ao presidente do Tribunal de Justiça, ao Procurador-Geral de Justiça, ao Defensor-Geral do Estado e ao presidente da OAB, informando da falta de previsão legal para a acumulação e o consequente enriquecimento ilícito do Estado.

A Adepol ressaltou que as demandas urgentes serão atendidas na forma preconizada pelo Código de Processo Penal, até que o projeto de regularização das acumulações seja aprovado. As cidades que estão sem delegado titular são: Telha, Canhoba, Amparo do São Francisco, Pinhão , Pedra Mole, Gararu, Nossa Senhora de Lourdes, Itabi, Feira Nova, São Franciso, Muribeca, Japoatã, Santana do São Francisco, Pacatuba, Brejo Grande, Santo Amaro das Brotas, Nossa Senhora Aparecida, São Miguel do Aleixo, Cumbe, Siriri, Santa Rosa de Lima, General Maynard, Pedrinhas, Arauá, Santa Luzia do Itanhy, Tomar do Geru, Macambira, São Domingos, Malhador e Monte Alegre.

O presidente da Adepol, delegado Paulo Márcio, disse ter esperança de que, uma vez cientificados, esses órgãos possam interceder junto ao Governo do Estado cobrando a resolução do problema", diz a nota. A Secretaria de Estado de Planejamento (Seplag) irá entregar ao governador Jackson Barreto um estudo de impacto das reivindicações e uma reunião irá ocorrer para discutir a questão.

Fonte: Adepol

Postagens populares