Conheça a ANASPRA

Postagem em destaque

Parceria Aspra Hapvida: descontos nos planos de saúde para associados Aspra Sergipe

Prezado Cliente, A parceria Divicom Hapvida , leva aos Associados da ASPRA, condições especiais com preços bem reduzidos para aquisi...

quarta-feira, 19 de abril de 2017

João Batista: "não poderia ficar na SSP sem Alessandro Vieira"

João Batista. Arquivo Aspra e Portal Infonet

O delegado João Batista, ex-secretário da Segurança Pública de Sergipe, confirmou nesta quarta-feira (19) que a decisão de deixar o comando da pasta foi própria. Durante a transmissão do cargo para o delegado João Eloy, ele alegou questões pessoais e a impossibilidade de continuar projetos como justificativas para a saída. "Meus projetos não estariam mais possíveis de serem executados, além do cansaço físico, mental e a família”.

Em entrevista à imprensa, Batista declarou que pediu para ser exonerado após a decisão do governador Jackson Barreto (PMDB) de afastar o delegado Alessandro Vieira do comando da Polícia Civil. Embora não tenha comentado o que motivou a decisão do Executivo, João Batista disse compreendê-lo.

“O governador tem direito de tirar e colocar as pessoas em cargo de comissão da forma que quiser, sem precisar prestar contas. Entendi porque o governador não queria a permanência de Alessandro e ele entendeu porque não poderia estar mais no governo sem ele", afirmou João Batista.

O delegado deve assumir na próxima semana a coordenação da Academia de Polícia Civil de Sergipe (Acadepol). Batista que já foi adjunto na gestão anterior de Eloy acredita que o novo secretário vai manter o desempenho da SSP.

“O que vinha dando errado foi consertado, que era a integração das polícias. João Eloy vai manter essa integração, ele é competente e tem mais experiência que eu. Vou trabalhar para que os projetos dele sejam executados com mais fôlego”, disse Batista.

Já o delegado Alessandro Vieira, apontado como pivô das mudanças na cúpula da SSP, segue com o futuro indefinido dentro da pasta. “Fui comunicado (da exoneração) por João Batista, agradeço a confiança. O trabalho da polícia é contínuo, nós estamos sempre em busca de uma nova oportunidade para fazer a melhor aplicação da lei”, comentou.

Will Rodrigues

Fonte: Portal F5 News

Postagens populares