Conheça a ANASPRA

Postagem em destaque

Parceria Aspra Hapvida: descontos nos planos de saúde para associados Aspra Sergipe

Prezado Cliente, A parceria Divicom Hapvida , leva aos Associados da ASPRA, condições especiais com preços bem reduzidos para aquisi...

sexta-feira, 11 de maio de 2012

Procuradores do Estado fazem paralisação e eleição

Paralisação acontece na próxima quarta-feira, 16 de maio
(Foto: Ascom/APESE)
Reunidos em assembléia na última quarta-feira, 9, os Procuradores do Estado de Sergipe votaram pela paralisação no próximo dia 16, quando também acontecem as eleições da Associação Nacional dos Procuradores do Estado (ANAPE). Pela primeira vez, Sergipe terá dois candidatos concorrendo numa das chapas nacionais, “Autonomia Já”, que tem o apoio do atual presidente, Juliano Dossena. A chapa será comandada pelo atual vice-presidente da ANAPE, Francisco Zaneli, e conta com as participações de Pedro Durão, presidente da Associação dos Procuradores do Estado de Sergipe, como Coordenador do Nordeste, e Túlio Cavalcante, Secretário Geral da APESE, como Coordenador Nacional de Convênios. A outra chapa concorrente, “Novos Rumos”, tem à frente Marcelo Terto (GO).

Cansados de esperar

Os procuradores do Estado advogam em favor de Sergipe, e, portanto, em prol do povo sergipano. É a categoria que zela pelo bem público, pelas licitações e contratos públicos, e pela recuperação de dívidas ao Estado, muitas delas já consideradas perdidas. No último triênio, 2007-2010, trouxeram uma média comprovada de R$ 730 milhões de economia aos cofres públicos. Por ano, são mais de 230 milhões recuperados com o trabalho dos procuradores, o que mostra que a categoria paga seu labor e que, efetivamente, traz lucro ao Estado.

Mas, na prática, é uma categoria que se encontra sem nenhuma perspectiva de crescimento, precisando urgentemente de um plano de cargos que honre e dignifique a classe que tantos serviços presta aos sergipanos. “Os procuradores estão estafados, sobrecarregados de processos. Queremos ter condição de trazer mais lucro ao Estado, e prestar melhores serviços ao povo sergipano, com respeito profissional e melhoria funcional. Isto não é justo, nem inteligente, pois melhor estruturada produziremos mais para o Estado e para coletividade”, disse Pedro Durão, que já é o terceiro presidente a negociar com o atual governo.

Por isso, os procuradores resolveram partir para uma campanha mais firme, visto que “Desta vez não permaneceremos inertes! Queremos recuperar nossa dignidade profissional e melhorar nossa prestação de serviço. Sem o parecer dos procuradores o Estado trava, mas, mesmo assim, o governo não dá atenção às nossas reivindicações. Por este motivo, resolvemos, em assembléia, fazer uma paralisação de advertência na próxima quarta, onde nos reuniremos na sede da APESE, pela parte da manhã. A categoria está unida e queremos uma posição efetiva do governo. Cansamos de esperar!”, afirma Durão.

Próxima quarta

Os procuradores estarão reunidos a partir das 9h na sede da APESE, na Praça Almirante Tamandaré, 76, no bairro São José. Ao mesmo tempo em que darão seu voto nas eleições nacionais da ANAPE, estarão reunidos para discutir as próximas estratégias em relação às tratativas constitucionais da categoria.

Fonte: Ascom/APESE/Portal Infonet

Postagens populares